sexta-feira, 30 de agosto de 2013

terça-feira, 27 de agosto de 2013

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

quinta-feira, 15 de agosto de 2013

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

A TERCEIRA VISÃO

consiste em olhar o objeto com imaginação. Nada é o que parece ser e por isso é preciso seguir o coelho branco na melhor forma de criar o objeto, de transformar a realidade a sua volta através da imaginação. “De que servem os olhos sem o cérebro?” – Questiona Da Vinci. Enxergar com o cérebro é perceber holográficamente a realidade, uma realidade plástica sujeita a múltiplas formas tal qual o conto de Lewis Carroll. No mundo da comunicação televisiva o imaginário torna-se realidade, constituindo nosso inconsciente através das imagens de TV. A percepção da natureza torna-se então eletrônica, tridimensional, percepção imediata de uma terceira visão inserida no tempo sem limites para a imaginação e criação. 

sábado, 10 de agosto de 2013

PERCEPÇÃO OCULAR

O que podem fazer os olhos sem o cérebro? Essa pergunta foi feita por Leonardo Da Vinci enquanto estudava a anatomia dos olhos e sua ligação com o cérebro. A capacidade de enxergar está na possibilidade cerebral de imaginar os objetos observados e fazer analogias entre si, construindo virtualmente soluções para enigmas propostos pela natureza ao homem.

Por que o homem não voa? Mais uma pergunta davinciana expressa em seus cadernos de anotações através dos seus mais variados desenhos num estudo que possibilitasse o homem a voar. Sabemos que foi o papel da imaginação que fez o homem voar, construindo os objetos mais inusitados no que diz respeita a comunicação a distancias através da engenharia com seus cálculos matemáticos e desenhos geométricos, construindo as maravilhas da modernidade e suas máquinas fantásticas.

Dessa forma podemos despertar a imaginação das pessoas através da arte e cálculos matemáticos de desenhos geométricos expressos em folhas de papel, desenvolvendo a percepção ocular e o interesse pelas ciências exatas a partir da observação. Tais cálculos se apresentam como “dobras geométricas” que resultam em desenhos projetivos (Rorschach), possibilitando um campo infinito de criação uma vez que trabalha a percepção dos hemisférios cerebrais.

segunda-feira, 5 de agosto de 2013

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

GEOMETRIAS SAGRADAS


Ciclotron tem como base conceitual as geometrias sagradas, porque todas as formas de vida advém da geometria. Todo seu trabalho consiste em nos conectar a uma nova percepção da realidade e de nós mesmos a partir da geometria. Se existe uma falta na existência humana essa é completada pela geometria que consiste nossa forma, nossa beleza.